Paisagismo: A arte de criar paisagens

O paisagismo é uma arte tão antiga quanto a arquitetura e é fundamental para criar experiências memoráveis na transição entre ambientes internos e externos, bem como áreas de lazer ou convívio coletivo.

O paisagista trabalha com elementos vivos como árvores, plantas, flores, etc. Esta seleção de elementos vivos geralmente procura por reunir espécies nativas da região onde o projeto será implementado, pois valoriza a fauna local bem como tem mais chance de longevidade do projeto, pois, por serem plantas nativas, estas já estão adaptadas ao ambiente em questão.

O paisagista também pode compor seu projeto com elementos naturais, como rios, pedras, riachos, lagoas, colinas, etc. Estes podem ser naturais, já existentes no terreno do projeto, ou artificiais, sendo especificamente construídos para atender às intenções do projeto paisagístico.

Por fim, ainda existem elementos “abstratos” a serem incluídos no desenvolvimento do projeto paisagístico, como condições climáticas (vento, nevoeiro, iluminação solar, luz noturna, neve, queda de folhas, etc).

O paisagismo transita entre a criação de fluxos e caminhos, disposição de elementos da flora, como plantas e vegetação, a concepção de ambientes com qualidade visual e sensorial. Equilibrando-se estes conceitos o paisagista consegue proporcionar aos usuários que circulam por tal local uma experiência enriquecedora e memorável.